Links:

SIB
ABIPRO
Ilustragrupo
ACB/HQmix
AEI-LIJ
ADG/Brasil
ABRAWEB
CCSP

TUPIXEL
 

Este site é desenvolvido pelos ilustradores
Angelo Shuman e Ricardo Antunes
 

 
    Guia do Ilustrador:
Um importante guia de orientação profissional do Brasil
para a área de ilustração e design.
 
                 
 
 

 

Entrevista de Steve Jobs à revista PLAYBOY, em 1985

Dependendo de com quem estiver falando, Jobs é um visionário que mudou o mundo para melhor ou um oportunista cujas habilidades de marketing conseguiram um incrível sucesso comercial. Usando jeans e tênis velhos, ele comanda uma empresa que se orgulha de ter uma mistura do idealismo dos anos 60 e o tino comercial dos anos 80, Jobs é admirado e temido. “Ele é o motivo pelo qual eu irei trabalhar 20 horas por dia,” diz um engenheiro. Ou, como Michael Moritz relata em “The Little Kingdom,” (reeditado e traduzido recentemente) os caprichos de Jobs – elogiar um dia, ofender no outro – praticamente levaran os membros da equipe da Macintosh à loucura. Ele também pediu para o então presidente da Pepsi-Cola, John Sculley, para tomar o controle administrativo da Apple, dizendo, “Você vai continuar vendendo água açucarada para crianças quando poderia mudar o mundo?” Sculley aceitou a oferta.
Para explorar a vida e tecnologia do jovem (Jobs fará 30 anos no próximo mês) pai da revolução dos computadores, a Playboy enviou o jornalista freelance David Sheff para o coração do Vale do Silício. Seu relato:
…”A ‘entrevista de Steve Jobs’ estava praticamente completa quando eu encontrei Jobs em uma festa de aniversário repleta de celebridades para um jovem na cidade de Nova Iorque. Conforme a noite avançava, eu comecei a andar por ali e descobri que Jobs tinha saído acompanhado do aniversariante de nove anos de idade para entregar-lhe o presente que ele havia trazido da Califórnia: um computador Macintosh. Enquanto eu observava, ele mostrou ao garoto como desenhar com o programa gráfico da máquina. Dois outros convidados da festa entraram na sala e começaram a olhar por cima do ombro de Jobs. ‘Hmmm,’ disse o primeiro, Andy Warhol. ‘O que é isso? Olhe só pra isso, Keith. É incrível!’ continue lendo...

 
 
 

 

•••Dois vídeos com Milton Glaser.
Mesmo quem não conhece o prestigiado ilustrador e designer americano, com toda certeza deve ter visto alguns de seus famosos posters ou, pelo menos, algo "inspirado" no logo feito por ele para a campanha I love NY.

 
   
 

 
 
Os vídeos foram traduzidos e legendados pelo Montalvo.
               
 
eXTReMe Tracker